Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro

Siga nas redes:

Filiado a FINDECT Filiado a CTB

Centro de Distribuição dos Correios tem energia cortada por falta de pagamento

Tamanho Fonte:

Atendimentos não estão sendo realizados

Sem energia elétrica por falta de pagamento, o Centro de Distribuição Domiciliar dos Correios (CDD) de Alcântara (Rua Marinho dos Santos, 125), São Gonçalo, não realizou atendimentos ontem. Os funcionários que chegaram para trabalhar foram dispensados. Muitas pessoas que foram ao CDC para a retirada do kit para a TV digital foram surpreendidas por um cartaz no portão que informava a necessidade de novo agendamento através do telefone 147.

Funcionários da unidade contaram que a interrupção da energia ocorreu na terça-feira e o motivo seria débito.

“Hoje (ontem), todos os funcionários que chegaram, foram orientados a voltar para casa. Não tem como atender ou trabalhar com a separação e entrega de correspondências. O que ouvimos é que as contas estão atrasadas, mas ainda não temos nenhuma informação concreta”, informou um funcionário.

Moradora de Saquarema, Adriana Soares, de 38 anos, deu viagem perdida. “Peguei três conduções para chegar aqui e vou gastar um total de R$ 66 de ida e volta para sair sem meu equipamento. Isso é um absurdo. Ainda tenho que ligar para agendar novamente, sabendo que não é um erro meu”, reclamou.

A mesma queixa foi feita pelo pedreiro Jaime da Silva, 58, morador da Fazenda dos Mineiros. “Trabalho em Niterói e deixei a obra para pegar o kit. Agora, volto sem o equipamento. É muito descaso com o cidadão”, reclamou.

Morador de Rio do Ouro, Ivan Gomes, 57, disse que precisou pegar dinheiro emprestado para ir buscar a antena. “Não tenho dinheiro para ficar dando essas viagens perdidas”, afirmou.

Em nota, assessoria de imprensa dos Correios confirmou os débitos na conta de energia. No entanto, também informou que o pagamento já tinha sido providenciado e o religamento solicitado. A assessoria da Enel informou que a empresa restabelecerá o serviço assim que a dívida for quitada.

Fonte: O São Gonçalo

Notícia publicada dia 18/11/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *