Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro

Siga nas redes:

Filiado a FINDECT Filiado a CTB

Correios leva CPF à comunidade quilombola do Maranhão

Notícia publicada dia 28/07/2021 12:11

Tamanho Fonte:

Única empresa pública presente em todos os municípios do País, os Correios oferecem serviços essenciais à garantia da cidadania dos brasileiros. Entre eles, estão a inscrição e regularização do Cadastro de Pessoa Física (CPF). No último dia 15, a empresa realizou um mutirão para emissão do documento para pessoas da comunidade do Quilombo Alto Grande, a 20 km do município de São Mateus do Maranhão (MA).

Para evitar aglomerações, os Correios coletaram previamente os documentos necessários e providenciaram as cópias para concluir a emissão com mais celeridade.

Maria Francisca Rodrigues Santos, 35 anos, aproveitou para tirar o CPF de dois de seus três filhos. Agora, Amanda e Júlio César, de 11 e 12 anos, respectivamente, vão poder ter acesso a praticamente todos os serviços públicos e privados que exigem CPF, como, por exemplo, a carteirinha do Sistema Único de Saúde (SUS) e matrícula em escolas

Finalmente meus filhos vão poder se matricular na escola, um pedido que eles me faziam todos os anos, mas que para mim era muito difícil realizar”, lembra Maria Francisca, residente do Quilombo Alto Grande desde que nasceu.

Em uma manhã, a agência dos Correios de São Mateus do Maranhão emitiu 100 CPFs, quase o dobro da média mensal da unidade. Diante do sucesso do mutirão, a empresa pretende realizar outra ação semelhante, desta vez no município de São Domingos do Maranhão.

Só no último ano, foram realizadas, pela rede de atendimento dos Correios, 3,9 milhões de inscrições de Cadastros de Pessoas Físicas (CPFs). O documento é obrigatório a todo cidadão cujos rendimentos estejam sujeitos ao desconto do imposto de renda na fonte.

Além da emissão para quem não tem o documento, ainda é possível fazer a regularização cadastral do CPF nas agências da empresa. Saiba mais no site dos Correios.

Fonte: Blog dos Correios

Compartilhe agora com seus amigos