Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro

Siga nas redes:

Filiado a FINDECT Filiado a CTB

Pandemia agrava situação no CTE Benfica com abandono, descaso, imposição e negligência total!

Notícia publicada dia 13/01/2021

Tamanho Fonte:

Foram várias as visitas e laudos técnicos feitos pelo Sindicato. Bem como as denúncias de más condições de trabalho e exigência de soluções encaminhada pela entidade, porém os trabalhadores do complexo Benfica sofrem com o descaso e incompetência da direção dos Correios.

A situação do CTE Benfica é o reflexo do abandono generalizado promovido pelo Governo Bolsonaro e direção militar da ECT às unidades de trabalho do Rio, o importante complexo em Benfica apresenta os inúmeros problemas que prejudicam o ambiente de trabalho e os trabalhadores. Como em outros casos, o SINTECT-RJ exigiu medidas imediatas dos responsáveis.

No complexo o descaso com os trabalhadores é enorme, seja ele concursado ou terceirizado. Desde o início da pandemia é cobrado uma desinfecção adequada do local.

O descaso é tanto que faltam cadeiras para desempenhar as atividades de triagem nos escaninhos, ventiladores quebrados por todos os cantos, propiciando a disseminação do vírus. Diante das altas temperaturas por conta do calor, falta até água gelada, é quase um guerra pra conseguir!

Sem contar com a preocupação e falta de segurança na região, que obrigam os trabalhadores a se alimentarem fora do complexo por não haver mais um espaço destinado para fazer suas refeições.

A irresponsabilidade é tamanha que a gestão nem se quer afastam os trabalhadores terceirizados que tiveram contato com pessoas contaminadas por covid-19, medida fundamental para interromper a transmissão do vírus, mas que é rechaçada pela gestão negacionista dos Correios!

A recorrente falta de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), tais como: álcool gel, sabonete líquido e máscaras, é outro absurdo que em pleno agravamento da crise sanitária tem afetado os trabalhadores.

O absurdo é ainda maior porque a liminar conquistada pelo SINTECT-RJ obriga o fornecimento e a garantia de segurança, proteção e integridade física aos trabalhadores, e o descumprimento implica em responsabilização penal prevista na liminar.

A QUE PONTO CHEGAMOS? É INACREDITÁVEL!!!

O abandono total vem desde a direção militar em Brasília, por ordem do governo federal e passa pelas Superintendências Regionais, principalmente no Rio de Janeiro, que cruzam os braços, nada fazem e deixam a situação piorar a cada dia.

Está mais que óbvia a intenção do Governo Bolsonaro em sucatear e destruir a empresa para ter argumentos para vendê-la, inclusive a preço de banana. É um crime o que estão fazendo com esse enorme patrimônio nacional, fundamental para todos os brasileiros e para a economia do país, e com seus trabalhadores.

A saída é nos unirmos e irmos à luta junto com a Diretoria do SINTECT-RJ em defesa do Correio Estatal de qualidade, de nossos empregos e condições de trabalho e de nossas vidas!

Compartilhe agora com seus amigos