Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro

Siga nas redes:

Filiado a FINDECT Filiado a CTB

#SaiunaMídia – Saúde e Segurança dos Trabalhadores dos Correios

Notícia publicada dia 11/12/2019

Tamanho Fonte:

 

Correios I

Atualmente, cerca de 20% dos funcionários dos Correios no Estado do Rio estão afastados das suas funções por motivo de doença. A informação foi passada pelo diretor do Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos (Sintect-RJ), Pedro Alexandre, durante reunião da Comissão Especial para o Cumprimento das Leis da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), realizada nesta segunda-feira (09/12), no Palácio Tiradentes.

Correios II

De acordo com o diretor do Sintect, casos de assédio moral e de assaltos, além da sobrecarga de peso e outros problemas levam a doenças e ao afastamento dos funcionários. “Hoje, um carteiro percorre de 15 a 20 quilômetros por dia, carregando uma sacola de dez quilos. Isso traz sérios problemas para a saúde desses funcionários, sendo recorrente o número de profissionais com sérios acometimentos na coluna e no joelho”, relatou Pedro.

Correios III

Durante a reunião foi discutido o descumprimento das leis e Normas Reguladoras (NRs) que fornecem parâmetros e instruções sobre saúde e segurança para prevenção de acidentes e doenças no trabalho. “Vimos que alguma leis estaduais estão sendo cumpridas na íntegra, como a da proibição de frentistas ao benzeno. Outras, como a lei de proibição do amianto, está sendo cumprida parcialmente. Vamos continuar lutando para que os trabalhadores tenham seus direitos preservados”, disse o presidente da comissão, deputado Carlos Minc (PSB).

Fonte: Diario do Vale

Compartilhe agora com seus amigos