Sindicato dos Trabalhadores da Empresa Brasileira de Correios Telégrafos e Similares do Rio de Janeiro

Siga nas redes:

Filiado a FINDECT Filiado a CTB

Assalto à unidade dos Correios assusta trabalhadores

Notícia publicada dia 02/01/2019

Tamanho Fonte:

O ano está começando, mas o descaso e problemas nas unidades do RJ continuam a todo vapor e sem uma solução efetiva da ECT.

Na tarde desta quinta-feira, 27 de dezembro, o imóvel onde se encontra os CDDs Madureira e Del Castilho foi alvo de um assalto cinematográfico, vários assaltantes chegaram fortemente armados e com um caminhão, levando além das encomendas, pertences pessoais dos trabalhadores. Esse é o terceiro assalto do mês, e nenhuma medida preventiva foi tomada pela direção da ECT.

Em visita à unidade, os dirigentes sindicais Paulo César, Márcia e Áurea prestaram as orientações necessárias aos trabalhadores e cobraram da empresa a emissão da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), e que os Correios tome uma providência imediata, pois essa situação caótica era previsível com o despejo do CDD Madureira e incorporação ao Del Castilho.

“Esse documento é importante porque, caso o trabalhador (a) venha sofrer algum transtorno psicológico por conta do assalto, a CAT garante que se trata de uma doença ocupacional”, explica Paulo César (PC).

O SINTECT-RJ vem denunciando e cobrando da ECT uma solução imediata, conforme informamos no informativo de dezembro, às unidades do RJ estão jogadas às traças e totalmente abandonadas.

Além da falta de segurança, há um tremendo descaso com os trabalhadores, pois antes mesmo do fechamento do CDD Madureira, o sindicato alertou sobre o problema da segurança e das condições de trabalho, e nesse assalto comprova-se o que alertamos, vários pertences pessoais dos trabalhadores foram furtados, pois a empresa não forneceu armários com chave suficientes para todos guardarem seus pertences. E no momento do assalto, as mochilas estavam fora e sobre dos armários ou em armários sem tranca, inadequados para o uso.

O sindicato cobrou das áreas responsáveis pela segurança e saúde do trabalhador, que dê todo apoio e assistência necessária, também orientou a todos que procurem o departamento jurídico do SINTECT-RJ para que seja tomada todas as medidas judiciais necessárias para esse caso.

Compartilhe agora com seus amigos